Começar a praticar uma atividade física nem sempre é fácil. Além de adequar hábitos, horários e alimentação, vencer a preguiça pode ser um desafio daqueles. A parte boa é que, dado o pontapé inicial, os inúmeros benefícios dos exercícios podem manter você inspirado a continuar. E, claro, ter prazer com isso. Vamos às dicas de como criar uma nova rotina?

Veja mais:

Você tem tido problemas de memória? Veja como os exercícios podem resolver! Exercícios regulares melhoram a qualidade do sono

Conte com ajuda profissional

Um profissional da área pode fazer uma avaliação que comprova se você está em boas condições físicas. Com o resultado, pode listar os exercícios mais indicados para o seu objetivo, sempre excluindo o risco de um esforço excessivo – o que pode causar problemas musculares e nas articulações, dores na coluna, nas pernas e nos ombros e sobrecarga cardiovascular. De acordo com o Ministério da Saúde, quando a pessoa é iniciante, a recomendação geral é começar com atividades leves – caminhar, nadar, andar de bicicleta, praticar ioga, dança e ginástica coletiva. Aos poucos, parte-se para exercícios moderados e, depois, mais intensos. Tudo é uma questão de dar o primeiro passo.

Veja mais:

Quais são os cuidados para quem pratica atividade física Entenda porque nem todo mundo precisa de suplementos alimentares

Busque prazer nas atividades

Se você gosta de ficar ao ar livre, vale buscar uma atividade que permita isso, já que ficar dentro de uma academia, por exemplo, pode não lhe trazer tanta satisfação – ao contrário, pode deixá-lo mais suscetível à desistência. Se você precisa de outras pessoas ao lado para se motivar, tente fazer exercícios em grupo. Além de buscar academias que ofereçam ginástica coletiva, tente convidar amigos ou fazer uma pesquisa para descobrir como encontrar companhia em parques, clubes ou em uma praça perto de sua casa. Estabeleça o contato e vá em frente. Não se esqueça: quando a atividade física é prazerosa, dar continuidade a ela fica mais fácil.

Veja mais:

Conheça os benefícios da dança para a saúde Praticando ioga para controlar a ansiedade

Descomplique!

Levar sua rotina e seu estilo de vida em consideração é fundamental para deixar que a atividade física faça parte dos seus hábitos. E isso não precisa ser complicado. Está sem dinheiro? Se a distância entre a sua casa e o trabalho não for muito longa, você pode tentar ir a pé alguns dias por semana para começar a colocar o corpo em movimento. Se mora ou trabalha alguns andares acima da rua, troque o elevador pela escada e incremente a atividade física com novos movimentos. Se você quer mesmo ir para uma academia ou iniciar uma prática esportiva, não fique se cobrando resultados logo nos primeiros dias. Comece devagar, sempre respeitando seus limites, e com acompanhamento de um profissional. Aos poucos, seu organismo dará sinais de que você pode seguir em frente com atividades físicas mais intensas.

Veja mais:

Malhar em viagens: exercícios para quem viaja a negócios Atividade física no trabalho: Como ajudar sua equipe a se movimentar mais

Cuidados básicos para quem está começando

As recomendações são do Ministério da Saúde:

  • Alongamento: nunca deixe de se alongar antes e depois da atividade, para evitar problemas nos músculos, nas articulações e nos tendões;
  • Hidratação e alimentação: beba pelo menos um copo de água antes de começar e a mesma quantidade a cada meia hora de atividade. E não se exercite em jejum, para não correr o risco de sentir tontura, ter suor frio e até desmaiar. A falta de alimentação também pode provocar a queima de massa muscular em vez de gordura. E não se esqueça de manter uma alimentação balanceada, pois suas necessidades de nutrição podem mudar com os exercícios;
  • A roupa ideal: use roupas leves e confortáveis, de acordo com o clima e a temperatura. Bermuda e camiseta nos dias quentes, moletom quando estiver frio, boné, capacete para andar de bicicleta e tênis adequados à prática geralmente resolvem o problema, sem necessidade de vestimentas específicas.

3 dicas de ouro para criar coragem

  • Escolha uma atividade que não exige esforço nem muito preparo físico – por exemplo, caminhar, andar de bicicleta, nadar, jogar futebol, vôlei ou outro esporte e até mesmo dançar.
  • Encontre um lugar agradável, perto de sua casa, para que não tenha de fazer grandes deslocamentos – um parque, uma praça, um clube, uma rua arborizada.
  • Tente participar de um grupo que já pratique atividades físicas ou reúna amigos que também estejam dispostos a se tornarem mais saudáveis. Assim, um estimula o outro.

Quer ver dicas de saúde? Continue a visita pelo blog da Care Plus e assine o canal da Care Plus no Youtube.