Ainda que não pareça, os dias mais frios são perfeitos para emagrecer. A explicação é a seguinte: independentemente da estação do ano, o corpo tenta manter uma temperatura constante em torno de 36,6 graus. Nos dias mais frios, fica mais difícil fazer isso. Então, o organismo reforça os trabalhos e, assim, acaba gastando mais calorias, ou seja, ativando mais o metabolismo.
Nisso, se você apenas mantiver a sua alimentação de rotina, vai acabar emagrecendo. Se focar em uma dieta com menor quantidade de calorias, vai emagrecer ainda mais!

Veja mais:

Emagrecer lentamente aumenta a chance de permanecer magro
Como a meditação pode ajudar você a emagrecer

Como emagrecer mudando a alimentação

Especialistas do Ministério da Saúde explicam que o ideal para emagrecer com saúde é adotar a reeducação alimentar de forma gradativa, de modo que você possa descobrir novos prazeres em alimentos e preparações saudáveis. Com isso em mente, você consegue fugir mais facilmente de dietas restritivas e soluções milagrosas que, no final das contas, só trazem problemas.
Confira as dicas práticas do Ministério da Saúde para ter uma alimentação saudável o ano todo:
· Faça de alimentos in natura ou minimamente processados, em grande variedade e predominantemente de origem vegetal, a base da sua alimentação;
· Utilize óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias;
· Limite o uso de alimentos processados consumindo-os em pequenas quantidades apenas como ingredientes de preparações culinárias ou parte de refeições baseadas em alimentos in natura ou minimamente processados;
· Evite alimentos ultraprocessados.

Veja mais:

Como uma alimentação sem açúcar beneficia a saúde
Tomar café faz bem ou faz mal? O segredo é a quantidade

Use o inverno a favor da sua meta

Recorrer a versões quentes das preparações pode ser o pulo do gato para aumentar a ingestão das poderosas, pouco calóricas e nutritivas verduras e legumes. Sopas, cremes, omeletes e suflês podem aquecer o corpo sem acrescentar muitas calorias à alimentação. O mesmo vale para as frutas, que ficam bem saborosas quando assadas e melhor ainda quando ganham um toque de especiarias.
Por falar em especiarias, incluir alimentos termogênicos, como a canela, na sua alimentação de rotina pode reforçar ainda mais a ativação do metabolismo na queima de gorduras. Outros exemplos de termogênicos são pimenta vermelha, alho, cebola, chá verde, gengibre e até café. E não precisa exagerar nas quantidades: pequenas porções ao longo do dia já fazem diferença, segundo os especialistas.
Aliás, controlar as quantidades é essencial para um emagrecimento eficiente. E para não acabar extrapolando em um momento específico do dia, vale diminuir o intervalo entre as refeições. Uma dica é comer a cada duas horas, aproximadamente, sempre em pequenas porções e apostando em alimentos com poucas calorias.
Você já sabe que não vai resistir ao fondue, à canjica, ao chocolate quente típicos dos dias mais frios? Não vá para eventos e encontros sociais com fome. E quando for consumir seu prato preferido, pegue leve: sirva-se com uma pequena porção e aproveite o momento.
E para se aquecer e ainda ter uma forcinha extra para desinchar, vale recorrer aos chás. Sem açúcar, é claro. De gengibre, chá verde e até mesmo o de canela são termogênicos. Já o chá de cavalinha é diurético e combate o inchaço. Vale apostar nessa bebida quentinha para potencializar todas as dicas que demos até aqui!

Veja mais:

5 passos para ter mais energia
Lesão no joelho: como se proteger durante os treinos

Atividade física não pode ficar de fora!

Muita gente vai concordar que o frio traz uma certa preguiça de treinar. Mas, de novo, vale lembrar que a atividade física também vai reforçar ainda mais aquele efeito metabólico tão potente que só as temperaturas mais baixas podem trazer para o corpo.
Os especialistas do Ministério da Saúde dizem que a diferença na hora de fazer exercícios no frio está nos detalhes, como vestimenta, aquecimento e alongamento.
A primeira atitude a ser tomada é se agasalhar bem e, então, fazer um alongamento cuidadoso (os tendões e a musculatura ficam mais rígidos no frio) e um bom aquecimento (que não é o alongamento, mas uma atividade aeróbica mais moderada, como caminhar por alguns minutos). Depois, é só partir para o treino e aproveitar mais essa força para emagrecer com saúde!

Quer ver dicas de saúde? Veja mais no blog da Care Plus e assine o canal da Care Plus no Youtube.